nostalgia

amo
os
casais

ombro
a
ombro

pisando a mesma calçada

amo os casais que
atravessam
ruas
estações

seguram as
mãos
não
o tempo

amo
os
casais

que permanecem.

eunice arruda.

Anúncios

dicionário

um dicionário feito por crianças. pra gente ver o mundo com outros olhos.javier_naranjo

adulto: pessoa que em toda coisa que fala, fala primeiro dela mesma (Andrés Felipe Bedoya, 8 anos)

céu: de onde sai o dia (Duván Arnulfo Arango, 8 anos)

deus: é o amor com cabelo grande e poderes (Ana Milena Hurtado, 5 anos)

sexo: é uma pessoa que se beija em cima da outra (Luisa Pates, 8 anos)
universo: casa das estrelas (Carlos Gómez, 12 anos)

Dicionário – Casa das estrelas: o universo contado pelas crianças, de Javier Naranjo.

encontro – marina abramovic e ulay

há alguns dias atrás, este vídeo foi exaustivamente compartilhado nas redes sociais. motivos não faltam. é uma história muito bonita. não poderia deixar de guardá-lo aqui.

marina abramovic e ulay viveram juntos por alguns anos. durante este tempo, experimentaram uma relação forte, intensa, de muita intimidade e cumplicidade. trabalharam juntos, fizeram arte. a relação terminou 12 anos depois de um encontro, de uma paixão fulminante.
marina seguiu com sua arte mundo afora. um dia, em uma performance no MOMA, em nova york, na qual ela se dedicava a trocar um olhar, por um, dois minutos com qualquer pessoa que quisesse participar, ulay se sentou à sua frente. a surpresa, o afeto são evidentes no olhar de marina. e a marca de uma paixão de toda uma vida também. o vídeo consegue ser bonito e triste ao mesmo tempo. e muito emocionante.

outro olhar

o fotográfo yossi loloi, fotografou mulheres com obesidade mórbida. ele teve por objetivo mostrar que um outro olhar, diferente do padrão adotado pelo mundo da moda e beleza atuais é possível:

“Minha intenção era mostrar mulheres obesas de uma forma que seria difícil para as pessoas criticarem. A ideia é mostrá-las em sua própria intimidade, criando uma sensação de libertação e de serenidade”.

“Entristece-me, por vezes, que as pessoas pensem na ‘questão da saúde’, em vez de tentar entender a imagem. Isso mostra como estamos culturalmente estragados. Por isso o meu trabalho como artista: para despertar outros sentimentos, sejam eles de indignação ou admiração. Com ‘FullBeauty’ estou tentando ressaltar que todos nós temos o direito de ser apreciados do jeito que somos e que não deve haver nenhuma ditadura do gosto”.

mais fotos em: fullbeautyproject

escorrega

num domingo cinzento e quente, um convite: escorregar. sim. com água e sabão, como certamente fizemos todos em nossas infâncias.

um grupo de amigos promoveu em um domingo, na praça do papa, em bh, um escorrega. a receita é simples: uma enorme lona é estendida pelo gramado, adicionando-se água e sabão. diversão sorrisos alegrias garantidos.